Ozzy Osbourne

Ozzy Osbourne é um músico britânico que conquistou seguidores leais como vocalista do grupo de heavy metal Black Sabbath antes de iniciar uma bem-sucedida carreira solo. Em fevereiro de 1970, o Black Sabbath lançou seu primeiro álbum de mesmo nome e rapidamente desenvolveu seguidores na Grã-Bretanha e nos Estados Unidos. A banda lançou álbuns todos os anos em meados da década de 1970, exceto 1974. Após a turnê de Never Say Die (1978), Osbourne deixou a banda. 

Seu primeiro projeto como cantor solo foi realizado com a ajuda primária do guitarrista Randy Rhoads, em Blizzard of Ozz (1980). Um sucesso multiplatina, graças em parte ao single de destaque “Crazy Train”, foi seguido pelo igualmente popular Diary Of A  Madman (1981), que vendeu mais de cinco milhões de cópias. Um momento decisivo na carreira de Osbourne veio na turnê do álbum, quando, pensando que alguém da platéia havia lhe jogado um brinquedo de borracha, Osbourne mordeu a cabeça de um morcego ao vivo. Osbourne encontrou seu primeiro hit solo Top 40 com “Mama, I’m Coming Home” do álbum No More Tears (1991), e em 1993 ele ganhou um Grammy Award de melhor performance de metal pela música “I Don’t Want to Change The World”. Apesar de anunciar sua aposentadoria em 1992, ele continuou gravando ao longo da década. No final da década de 1990, Osbourne reuniu os membros originais do Black Sabbath para um novo álbum e turnê, e em 1999 a banda ganhou um Grammy de melhor performance de metal pela música “Iron Man”. 

Em 2013, Osbourne fez seu primeiro disco de estúdio, 13, com o Black Sabbath após 35 anos de ausência. Em 2007, ele lançou seu primeiro álbum de estúdio solo em seis anos, Black Rain, e seguiu com Scream (2010), e Ordinary Man (2020).